COMO ENCURTAR A CHECKLIST DE REQUISITOS, NA ESCOLHA DE UM ERP?

Skip to content

COMO ENCURTAR A CHECKLIST DE REQUISITOS, NA ESCOLHA DE UM ERP?

As empresas procuram num curto prazo o retorno sobre o investimento (ROI) nos sistemas ERP/CRM. Mas, como muitas vezes, ocorrem custos desnecessário na fase de seleção, isso inviabiliza um rápido ROI, mesmo antes do início da implementação.

A escolha de um ERP/CRM geralmente é puramente uma questão emotiva, mesmo que, como comprador, se pretendesse maior objetividade. Muitas empresas trabalham a partir uma longa lista de requisitos, quando a questão relevante é saber o que exigir dos fornecedores, em cada fase do projeto.

Apresentar a todos os fornecedores da longa lista com RFIs com inúmeras perguntas e requisitos não faz sentido, especialmente quando muitos dos fornecedores não estarão aptos para cumprir todos os requisitos. Visitar cada fornecedor para uma live demo ou workshop é também investir tempo e dinheiro, que traz poucos resultados.

Para evitar possíveis reprovações e situações de mau estar, muitas vezes também opta por permitir a participação de parceiros sobre os quais existem dúvidas sobre a sua capacidade de resposta. Mas quem realmente beneficia com esta abordagem?

Todo este processo de seleção pode ser melhorado. Primeiro, ao nível de gestão, decida quais são os cinco critérios de seleção mais importantes. Use esses critérios para filtrar dois fornecedores e só então começar a aprofundar. Desta forma, economizará tempo, recursos e energia. E mantem os seus custos de seleção controlados. Além disso, essa abordagem mostra mais respeito para com seus parceiros.